Mulher usa mototaxista para entregar sacola com drogas na cadeia e acaba presa

A acusada foi autuada em flagrante e levada para a cadeia
feminina de Catanduva
Uma mulher de 22 anos foi presa, acusada de tráfico de entorpecentes, na tarde de sábado (04), em Catanduva.

Segundo o Plantão Policial, por volta das 14 horas, policiais civis plantonistas foram chamados para comparecerem na cadeia pública de Catanduva, onde foi apurado que um mototaxista de 30 anos estava detido, por ter entrado com uma sacola contendo alimentos, além de uma caixa de creme dental com um pino de cocaína e dois papelotes de maconha, para entregar para um preso.

Na ocasião, o averiguado apontou aos policiais uma mulher, a qual lhe havia dado a importância de R$ 5, para que ele levasse a sacola até a cadeia. Em diligências, na companhia do mototaxista, os policiais localizaram a acusada, que assumiu ter contratado os serviços do mototáxi, mas que não sabia o que tinha no interior da sacola, dizendo ainda que a entrega seria a pedido de uma mulher, residente em Ariranha.

No Plantão Policial, o mototaxista foi ouvido e liberado, mas o suspeita foi autuada em flagrante pelo crime de tráfico de entorpecentes, sendo recolhida na cadeia feminina de Catanduva, onde aguardará pelo posicionamento da Justiça.

Por Marcelo Ono

Foto: Arquivo / Alta Tensão

Compartilhe no Google Plus

    Blogger Comment
    Facebook Comment