Dois homens e uma mulher são presos por furto e associação criminosa

Os suspeitos foram abordados antes de entrarem em um
veículo, que os aguardava para a fuga
Os suspeitos C.E.B. e G.E.U.P., ambos de 24 anos e a mulher N.M.C.B., de 37 foram presos, acusados de furto em estabelecimento comercial e associação criminosa, na tarde de quarta-feira (13), em Catanduva.

Segundo o boletim de ocorrência, por volta das 16h30, policiais militares realizavam patrulhamento, quando foram informados que dois homens fugiam a pé, após furtarem aparelhos celulares de uma loja localizada na praça Monsenhor Albino, no Centro.

Os policiais pararam a viatura e perseguiram os suspeitos a pé, sendo detidos antes de entrarem em um veículo Ford/Fiesta, prata, com placas de São Paulo. Enquanto os policiais abordavam os dois suspeitos, a condutora do carro fugiu pelas ruas da cidade, mas também acabou detida.

Durante a revista pessoal, os policiais apreenderam com os dois homens um alicate, uma chave mixa, além de R$ 250. No interior do veículo foram localizados seis aparelhos celulares, sendo três deles furtados no estabelecimento comercial, além da quantia de R$ 4.300 mil.

Em contato com o representante da loja, foi verificado que os suspeitos adentraram no estabelecimento e enquanto um distraia a atenção do funcionário, o outro utilizava um alicate para cortar o cabo que prendia os aparelhos celulares e os subtraia.

Posteriormente, durante pesquisa criminal foi constatado que os suspeitos C.E.B. e G.E.U.P. cometeram o mesmo crime em agosto do ano passado na cidade de Campinas e em maio de 2018, em Santos.

No Plantão Policial, após a vítima reconhecer os aparelhos celulares furtados e os suspeitos, os dois homens e a mulher foram autuados em flagrante pelos crimes de furto e associação criminosa, sendo recolhidos na cadeia, onde aguardarão pelo posicionamento da Justiça.

Os dois homens possuem nacionalidade chilena, enquanto que a mulher, colombiana.

Por Marcelo Ono

Foto: O Regional

Compartilhe no Google Plus

    Blogger Comment
    Facebook Comment