DIG esclarece 13 furtos em comércios após prisão de suspeitos

Os suspeitos foram levados para a sede da DIG
Após a Polícia Militar prender o suspeito F.C.A.C., de 45 anos, acusado de furtar uma padaria no Jardim Residencial Diolfen Martani, na madrugada de terça-feira (07), a Delegacia de Investigações Gerais (DIG) esclareceu outros nove furtos ocorridos em vários estabelecimentos comerciais.

Segundo a Polícia Civil, na manhã de quarta-feira (08), os policiais da DIG passaram a apurar os casos de furtos na cidade e esclareceram mediante investigação, que o suspeito F.C.A.C. havia praticado os delitos. 

“O suspeito confessou os furtos, sendo levado para passar pela audiência de custódia no fórum, onde foi decretada a sua prisão preventiva, devido as inúmeras ocorrências”, explica a Polícia Civil.

Outro Caso

Na manhã de quarta-feira (08), os policiais da DIG abordaram o suspeito A.M.O., de 38 anos, que possui diversos antecedentes criminais por furto e roubo. Na sede da delegacia especializada, o averiguado confessou a pratica de quatro furtos qualificados em comércios de Catanduva e da região.

“O suspeito confirmou a prática dos furtos e afirmou que o dinheiro subtraído era para manter o vício das drogas. Como o averiguado não foi preso em flagrante, ele foi ouvido e liberado, conforme a lei determina”, comenta a polícia.

Por Marcelo Ono

Foto: Arquivo / Alta Tensão

Compartilhe no Google Plus

    Blogger Comment
    Facebook Comment