Rapaz ferido por disparo de revólver morre após 16 dias internado

O caso está sendo investigado pela Polícia Civil
O jovem Rafael Alves Argolo, de 28 anos, vítima de disparo de arma de fogo na madrugada do dia 26 de fevereiro, morreu no Hospital São Domingos, na noite de segunda-feira (13), em Catanduva.

Segundo o Plantão Policial, a vítima estava internada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do hospital e às 23 horas de segunda-feira, não resistiu aos ferimentos e morreu. Até a noite de terça-feira (14), a Polícia Civil não havia sido informada sobre o óbito.

Vários internautas e amigos de Rafael comentaram a sua morte nas redes sociais e homenagearam o rapaz com diversas mensagens.

Relembre o Caso

Uma discussão entre duas famílias vizinhas por causa de som alto acabou em tragédia, na madrugada de domingo (26), no bairro Jardim América.

Na ocasião, segundo o Plantão Policial, por volta das 4h54, policiais militares compareceram no bairro, onde foi verificado que a vítima Rafael teria sido ferida por disparos de revólver efetuado pelo suspeito W.A.J.R.G., de 38 anos.

Durante a elaboração da ocorrência foi apurado, que na manhã anterior, aconteceu uma discussão envolvendo a vítima, sua namorada e o acusado. Posteriormente, na madrugada de domingo, após uma nova discussão, o suspeito teria atirado contra Rafael, que foi socorrido e levado para o hospital São Domingos, onde permaneceu internado em estado grave. O autor dos disparos esta foragido.

Por Marcelo Ono

Foto: Arquivo / Alta Tensão

Compartilhe no Google Plus

    Blogger Comment
    Facebook Comment