Mulher é agredida, estuprada e mantida em cárcere privado pelo ex companheiro

O caso será investigado pela Delegacia de Defesa
da Mulher (DDM) 
Um homem foi preso em flagrante, acusado de violência doméstica, cárcere privado, ameaça, lesão corporal e estupro na tarde de terça-feira (24), em Catanduva.

Segundo o boletim de ocorrência, por volta das 14h20, policiais militares surpreenderam o acusado J.W.S.M., de 23 anos, quando mantinha a ex companheira em cárcere privado, em uma residência localizada no bairro Jardim Monte Líbano.

No local foi apurado, que além de refém a vítima foi ameaçada de morte pelo acusado, caso ela fosse embora de casa ou chamasse a polícia.

De acordo com a mulher, na noite de segunda-feira (23) o suspeito teria praticado relação sexual forçada, além de lhe agredir com socos, tapas, puxões de cabelo e apertões no pescoço, provocando ferimentos.

Na delegacia, o acusado foi autuado em flagrante pelos crimes de cárcere privado e ameaça, sendo recolhido na cadeia. Por outro lado, os crimes de lesão corporal e estupro serão apurados pela Delegacia de Defesa da Mulher (DDM). O caso está sendo investigado.

Por Marcelo Ono

Foto: Arquivo / Alta Tensão

Compartilhe no Google Plus

    Blogger Comment
    Facebook Comment