Família é aterrorizada por bandidos e mantida refém por 30 minutos na Vila Mota

O delegado Amauri Cesar Pelarin ouviu as vítimas e
registrou a ocorrência de roubo
Uma família foi assaltada e ficou sob a mira dos revólveres dos bandidos por cerca de 30 minutos, na noite de quarta-feira (28), em Catanduva.

Segundo o boletim de ocorrência, por volta das 23h30,o casal estava dormindo na residência localizada na rua São Paulo, no bairro Vila Mota, quando foi surpreendido por dois homens e uma mulher, armados com pistolas. Os bandidos anunciaram o assalto e exigiram que as vítimas entregassem os seus pertences.

Além do casal, estava no imóvel, o filho de 14 anos e os pais da mulher, que foram os primeiros a serem rendidos do lado externo da casa e obrigados a entrar com os bandidos. Os criminosos estavam aparentemente sob efeito de drogas e a todo o momento ameaçava as pessoas de morte.

Depois de roubar roupas, semi-joias, perfumes, televisor, computador, vídeo game, dois aparelhos celulares e R$ 1.200, os bandidos fugiram no veículo GM/Vectra, cinza, placas DXA-6761 pertencente aos moradores.

As vítimas ficaram em poder dos assaltantes por cerca de 20 a 30 minutos e antes de abandonarem o local, trancaram a família em um quarto. Posteriormente, com a ajuda de outro familiar que reside na casa dos fundos, as vítimas foram libertadas.

Com a chegada da Polícia Militar as vítimas foram levadas até o Plantão Policial, onde o delegado Amauri Cesar Pelarin elaborou a ocorrência de roubo. O caso será investigado pela Polícia Civil.

Por Marcelo Ono

Foto: Arquivo / Alta Tensão
Compartilhe no Google Plus

    Blogger Comment
    Facebook Comment